BC alemão vê economia à beira de recessão com inflação de dois dígitos – UOL Economia

    20
    0
    superior pop

    Natália Coelho, especial para a AE
    São Paulo
    21/10/2022 15h39
    O último relatório mensal do Bundesbank (o banco central alemão), publicado hoje, indica que a economia da Alemanha provavelmente está à beira da recessão. Com a taxa da inflação em dois dígitos e a incerteza do fornecimento da energia, a projeção é que a produção econômica caia no inverno e que a diminuição do poder de compra e do consumo tenha um impacto nos serviços ao consumidor.
    “Em particular, a situação do fornecimento de gás será tensa nos próximos meses devido à falta de oferta russa”, indicam os especialistas. “No entanto, as medidas recém-anunciadas pelo governo federal para conter os altos preços do gás e da eletricidade podem neutralizar a crise”.

    As medidas indicadas dizem respeito a um possível teto nos preços da eletricidade para residências e indústrias para aliviar o impacto do aumento dos custos de energia, e à decisão do chanceler Olaf Scholz de possivelmente manter as três usinas nucleares restantes do país em funcionamento até meados de abril.
    Sobre a inflação, especialistas do Bundesbank destacam que o índice harmonizado de preços ao consumidor (HCPI, na sigla em inglês) deverá se manter com dois dígitos nos próximos meses. Em setembro, a alta foi de 10,9%, mais de dois pontos porcentuais a mais que a de agosto, de 8,8%.
    Os altos valores devem seguir mesmo com novos alívios, como a redução da taxa do imposto sobre valor agregado sobre o gás e o aquecimento urbano a partir de outubro. “A perspectiva do adiantamento do gás pelo Estado em dezembro de 2022 não terá necessariamente impacto na taxa de inflação. Isso depende de como o subsídio estatal chega às famílias e, portanto, de como isso se reflete na medição oficial de preços”, pondera.
    ID: {{comments.info.id}}
    URL: {{comments.info.url}}

    Por favor, tente novamente mais tarde.

    Não é possivel enviar novos comentários.
    Apenas assinantes podem ler e comentar
    Ainda não é assinante? .
    Se você já é assinante do UOL, .
    O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

    José Paulo Kupfer

    source

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here